Publicidade

11 de Março de 2014 - 06:53

Por ae - Agencia Estado

Compartilhar
 

A polícia da Noruega disse ter rejeitado uma queixa feita pelo assassino em massa Anders Behring Breivik sobre más condições da prisão onde se encontra.

Em nota divulgada na segunda-feira, a polícia disse que investigou e recusou as alegações de Breivik de que estava sendo mantido sob condições ilegais. Este mês, ele ameaçou entrar em greve de fome a menos que as suas condições prisionais melhorassem. Entre outras coisas, o prisioneiro reclamou de ser mantido em isolamento e exigiu acesso a melhores videogames, um sofá e uma academia de ginástica maior.

Breivik está cumprindo uma sentença prisional de 21 anos por matar oito pessoas com uma bomba na sede do governo e outras 69 pessoas com tiros no acampamento da juventude do Partido Trabalhista, de esquerda, em 2011. A sua sentença pode ser estendida enquanto ele for considerado perigoso. Fonte: Associated Press.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?