Publicidade

19 de Dezembro de 2013 - 16:13

Por Mariângela Gallucci - Agencia Estado

Compartilhar
 

A ação com a qual a prefeitura de São Paulo pretende liberar o aumento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) na capital paulista foi protocolada nesta quinta-feira, 19, no Supremo Tribunal Federal (STF). Na quinta-feira o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Felix Fischer, manteve decisão do Judiciário de São Paulo que impede o reajuste.

Também chegou ao STF o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf. Ele está reunido com o presidente do Supremo, Joaquim Barbosa. No encontro, explicará os argumentos da entidade na ação que conseguiu liminar proibindo o aumento do IPTU em São Paulo. Em seguida, Barbosa deverá receber o prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT).

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?