Publicidade

18 de Janeiro de 2014 - 15:34

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Programa Universidade para Todos (ProUni) bateu recorde de inscritos, de acordo com dados publicados hoje pelo Ministério da Educação. A primeira edição de 2014 do ProUni registrou 1,259 milhões de inscritos interessados em concorrer a bolsas de estudos em instituições particulares de educação superior. O número bateu o recorde anterior, que era de 1,208 milhões de inscritos em 2012.

Neste primeiro semestre, o programa oferece 191,6 mil bolsas, sendo 131,6 mil bolsas integrais e 59,9 mil parciais, em 25,9 mil cursos. O crescimento é de 18% na oferta em relação à primeira edição do ano passado. O cronograma do Ministério da Educação estabelece duas chamadas on-line de candidatos. O resultado da primeira será divulgado na segunda-feira, dia 20. A segunda chamada será em 3 de fevereiro, ambos na página do programa na internet.

O estudante deve comprovar renda familiar por pessoa de até um salário mínimo e meio para concorrer à bolsa integral. Para as bolsas parciais, a renda familiar deve ser de até três salários mínimos por pessoa. Estão dispensados dos requisitos de renda os professores da rede pública em efetivo exercício do magistério da educação básica, integrantes de quadro de pessoal permanente de instituição pública. Eles concorrem exclusivamente a bolsas para cursos de licenciatura.

O ministério informou que neste ano haverá mudança de procedimentos da lista de espera. Agora, o estudante que não for pré-selecionado nas duas chamadas regulares e quiser participar da lista terá de manifestar interesse pela internet e, em seguida, nas datas previstas em edital, levar a documentação à instituição de ensino na qual pretende estudar. Após esse processo, a instituição terá prazo para avaliar os documentos. O estudante selecionado receberá o resultado por meio do boletim do candidato, disponível on-line na página do ProUni. Nas edições anteriores, o candidato tinha de manifestar interesse na lista de espera e aguardar a convocação da instituição.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o subsídio do Governo vai alavancar a aviação regional?