Publicidade

18 de Dezembro de 2013 - 10:04

Por - Agencia Estado

Compartilhar
 

A taxa de desemprego do Reino Unido caiu para 7,4% no período de agosto a outubro, ante 7,6% na média móvel de três meses anterior. O resultado também ficou abaixo da previsão de economistas, de 7,6%.

Com isso, a taxa se aproximou um pouco mais do patamar de 7%, nível no qual o Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês) disse que começará a considerar a possibilidade de elevar taxas de juros.

A queda na taxa mostrou que o desemprego está recuando mais rápido do que o BoE havia previsto em novembro, quando o comitê de política monetária da instituição afirmou que a taxa atingiria este patamar somente no primeiro trimestre ou segundo trimestre de 2014. O comitê prevê que a taxa de desemprego recue para 7% no quarto trimestre de 2014 sob taxas constantes.

O nível de emprego subiu 250 mil no período, para um recorde de 30,09 milhões. Enquanto isso, o número de pedidos de auxílio-desemprego feitos por trabalhadores no Reino Unido caiu 36,7 mil em novembro, para 1,27 milhão, o menor montante desde janeiro de 2009. O dado de outubro foi revisado em 1,1 mil para baixo e passou a mostrar um recuo de 42,8 mil. Fonte: Market News International.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?