Publicidade

18 de Dezembro de 2013 - 10:59

Por - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Legislativo russo aprovou nesta quarta-feira um projeto de lei de anistia, apoiado pelo Kremlin, que deve libertar duas integrantes presas da banda punk Pussy Riot e encerrar o processo contra 30 ativistas do Greenpeace.

A Duma, a câmara baixa do Parlamento russo, aprovou a anistia por 446 votos a favor e nenhum contra. A medida também deve beneficiar vários manifestantes, presos durante manifestações contrárias ao presidente Vladimir Putin em maio de 2012, que também serão libertados.

A decisão é vista como uma tentativa do Kremlin de acalmar as críticas de defensores de direitos humanos antes dos Jogos Olímpicos de Inverno, que acontecem na cidade russa de Sochi, no ano que vem. Fonte: Dow Jones Newswires e Associated Press.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?