Publicidade

09 de Janeiro de 2014 - 17:04

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Nem bem chegou ao Brasil para atuar no Cruzeiro, o paraguaio Miguel Samudio parece não querer deixar o País tão cedo. Contratado no fim do ano passado para reforçar o atual campeão brasileiro na Libertadores desta temporada, o jogador já planeja ficar no clube por um período maior do que o ano de empréstimo acertado com o Libertad, seu ex-time.

"Foram dez anos de carreira no Libertad e espero nesta temporada me destacar no Cruzeiro, fazer bem o meu trabalho para que eu também fique muito tempo por aqui", comentou o paraguaio, que não esconde o desejo de vencer a Libertadores pelo Cruzeiro. "A Libertadores requer muitas coisas como a união do grupo e jogar de igual para igual contra os adversários fora de casa. Acredito que com toda a força do grupo vamos alcançar o nosso objetivo na Libertadores."

Revelado pelo Libertad, Samudio ainda passou pelo Sol de América antes de voltar ao clube de origem em 2008, e lá ficar por seis temporadas. Pela primeira vez na carreira, o jogador de 27 anos deixará sua terra natal, e vai para um país onde sequer falam sua língua. Por isso, o lateral admitiu que deverá passar por um período de adaptação.

"O início é um pouco mais complicado, mas existem companheiros que falam espanhol, então qualquer coisa que eu não entenda, eu pergunto a eles, que muito gentilmente vem me ajudando. Já me sinto em casa, o que é muito importante para que eu possa demonstrar minha capacidade em campo e ir ganhando cada vez mais confiança", projetou.

O jogador ainda disse quais são suas características em campo. "Posso atuar como lateral-esquerdo e como volante pela esquerda. Procuro defender primeiro, fechar os espaços, e quando tiver liberdade, atacar. O que posso oferecer ao Cruzeiro é a minha vontade de sempre, muito sacrifício, muita entrega, procurando suar a camisa e deixar tudo em campo. Sou do tipo de pessoa que quer ganhar, não gosto de perder."

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que a realização de blitze seria a solução para fazer cumprir a lei que proíbe jogar lixo nas ruas?