Publicidade

27 de Dezembro de 2013 - 18:25

Por Vítor Marques - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Corinthians já tentou contratar pelo menos cinco jogadores com o objetivo de reforçar a equipe na próxima temporada. Por falta de dinheiro e concorrência de outros clubes, nenhuma das negociações deu certo. A mais recente perda foi a do meia Everton, do Atlético Paranaense, que deve ser anunciado, em breve, como reforço do Flamengo para a Copa Libertadores.

Everton, Marcelo, também do Atlético Paranaense, Elias, do Flamengo, Rafinha, do Bayern de Munique, Jucilei, do Anzhi (Rússia). Todos esses nomes estavam na lista de reforços da diretoria corintiana. Desse grupo, só Jucilei ainda tem chance de ser contratado - todos os demais estão descartados.

O principal problema é a falta de dinheiro. A diretoria corintiana decidiu que não irá fazer grandes investimentos em reforços. Por isso sequer abriu negociação com o Atlético Paranaense por Marcelo, revelação do Campeonato Brasileiro. "Pediram 12 milhões de euros (cerca de R$ 36 milhões), é um valor fora da realidade para o futebol brasileiro", disse Roberto de Andrade, diretor de futebol do Corinthians.

Elias, por sua vez, pediu salário alto demais (R$ 500 mil). Além disso, o clube teria de pagar pelo menos 4 milhões de euros (aproximadamente R$ 13 milhões) ao Sporting, de Portugal. Já Rafinha preferiu renovar seu contrato com o Bayer de Munique até 2017.

Roberto de Andrade diz que a única contratação que está "encaminhada" é a do lateral-esquerdo Uendel, de 25 anos, da Ponte Preta. Falta, porém, a assinatura do contrato com o jogador.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você tem percebido impacto positivo das operações policiais nas ruas da cidade?