Publicidade

27 de Dezembro de 2013 - 11:24

Por Denilson Azzoni - Agencia Estado

Compartilhar
 

A inadimplência das pessoas jurídicas subiu 2,3% em novembro ante outubro, informou nesta sexta-feira, 27, a Serasa Experian. Foi a segunda alta mensal consecutiva registrada pelo Indicador de Inadimplência das Empresas. Em relação a novembro de 2012, a inadimplência nos negócios cresceu 6,7%. Na comparação do acumulado entre janeiro e novembro com o mesmo período do ano passado, o aumento foi de 1,9%.

Nos 11 meses do ano, o valor médio das dívidas não bancárias (cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços como telefonia, energia elétrica e água) ficou em R$ 814,11, alta de 6,6% em relação a igual período de 2012. O valor médio das dívidas com bancos subiu 0,6% e chegou a R$ 5.296,09 e os títulos protestados ficaram na média em R$ 2.050,41, um aumento de 4,9%. Já o valor médio dos cheques sem fundos foi de R$ 2.426,79, crescimento de 6,2% em relação ao mesmo período de 2012.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?