Publicidade

11 de Dezembro de 2013 - 12:31

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Carrasco do Brasil na Copa do Mundo de 2010, Wesley Sneidjer também virou algoz da Juventus. Nesta quarta-feira, em jogo adiado do dia anterior por conta da nevasca que caiu sobre Istambul, o holandês marcou aos 40 minutos do segundo tempo, o Galatasaray venceu os italianos por 1 a 0 e tirou a Juventus da Liga dos Campeões.

Isso porque os turcos, que estavam em terceiro no Grupo B, assumiram a segunda colocação, com sete pontos, enquanto a Juventus terminou com apenas seis, em terceiro. O Galatasaray, assim, vai à segunda fase da Liga dos Campeões e a Juventus terá que se contentar com a Liga Europa um ano depois de ser campeã italiana invicta. O Real Madrid passou em primeiro.

Na terça, ainda no primeiro tempo do confronto, quando o placar apontava 0 a 0, o árbitro Pedro Proença suspendeu a partida por falta de condições no gramado. Cerca de meia hora depois, o duelo foi oficialmente adiado.

Nesta quarta a partida aconteceu sem que a Türk Telekom Arena estivesse completamente lotada. Com o gramado muito prejudicado, cheio de lama, e com neve acumulada nas laterais do campo, a partida foi brigada. No primeiro tempo nevou pouco, enquanto mais para o fim do jogo uma garoa leve caiu sobre os jogadores.

O lance que decidiu o confronto saiu dos pés de Umut Bulut, que deu longo lançamento. Drogba escorou de cabeça na meia-lua e tocou para Sneidjer. O holandês teve espaço, bateu por baixo de Barzagli e mandou no canto, sem chances de defesa para Buffon.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você tem percebido impacto positivo das operações policiais nas ruas da cidade?