Publicidade

19 de Janeiro de 2014 - 11:36

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Ainda não será no Aberto da Austrália que Bruno Soares conquistará o seu primeiro título de um torneio do Grand Slam como duplista. Neste domingo, o brasileiro e o austríaco Alexander Peya, segundo pré-classificados, foram eliminados nas oitavas de final em Melbourne com a derrota para os franceses Michael Llodra e Nicolas Mahut, cabeças de chave número 13, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 6/3, em 1 hora e 31 minutos.

Soares e Peya terminaram 2013 como a segunda melhor dupla do tênis e chegaram perto de vencer um torneio do Grand Slam ao serem vice-campeões do US Open. E eles abriram esta temporada com duas finais em Doha e Auckland, sendo batidos em ambas, o que aumentou as esperanças de realizarem uma boa campanha no Aberto da Austrália.

Neste domingo, porém, Soares e Peya pararam em Llodra e Mahut, que foram vice-campeões em Roland Garros no ano passado. Derrotado, o brasileiro ainda segue na luta pelo seu segundo título de duplas mistas - venceu o US Open em 2012. No Aberto da Austrália, ele atua com a espanhola Anabel Medina Garrigues.

Se Soares foi eliminado da chave de duplas, Marcelo Melo entra em quadra neste domingo pelas oitavas de final. O brasileiro e o croata Ivan Dodig vão enfrentar o polonês Lukasz Kubot e o sueco Robert Lindstedt, dupla cabeça de chave número 14.

Pela chave de duplas mistas, Melo e a norte-americana Liezel Huber foram eliminados logo na estreia. Neste domingo, eles perderam para o polonês Mariusz Fyrstemberg e a norte-americana Lisa Raymond por 2 sets a 0, com um duplo 6/2, em 46 minutos.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?