Publicidade

07 de Dezembro de 2013 - 00:39

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) convenceu a CBF e o novo Regulamento Geral de Competições, divulgado nesta sexta-feira, abre a possibilidade para que o tribunal determine que a perda de mandos de campo inclua também a realização de jogos sem a presença da torcida.

A novidade consta nos artigos 69A e 69B, que aparecem pela primeira vez no Regulamento Geral na versão que será válida para 2014. Ali a CBF especifica, por exemplo, que "os clubes, sejam mandantes ou visitantes, são responsáveis por qualquer conduta imprópria entre o seu próprio grupo de torcedores". O novo artigo deve ajudar a punir casos de violência dentro dos estádios.

O novo texto também aponta que: "Nos casos de violência e distúrbios graves, as partidas correspondentes à pena de perda de mando de campo poderão ser realizadas, por determinação do STJD, com portões fechados". Até então essa possibilidade não contava no Regulamento Geral de Competições.

Assim, nos jogos com portões fechados não será permitida, "sob nenhuma hipótese", a

A CBF ainda acrescentou três parágrafos ao artigo 67 e, a partir do ano que vem, "a pena de perda de mando de campo deverá ser necessariamente cumprida, independentemente da possível emissão e venda de ingressos para as partidas". Além disso, o texto aponta que "o cumprimento de pena de perda de mando de campo, nos casos de mais de um jogo, dar-se-á de forma necessariamente sequenciada, sem quaisquer descontinuidades na tabela de jogos".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?