Publicidade

08 de Dezembro de 2013 - 17:44

Por José Roberto Castro - Agencia Estado

Compartilhar
 

O prefeito de Lajedinho, Antonio Mário Lima Silva, pretende decretar estado de calamidade pública nesta segunda-feira, 09. Na noite de ontem, a cidade do interior da Bahia foi atingida por um forte temporal que deixou pelo menos oito mortos, dez desaparecidos e cerca de 150 desabrigados, segundo a Defesa Civil do Estado. "Os estragos foram muito grandes, cerca de 70% da cidade está destruída", contou o prefeito do município de cerca de 4 mil habitantes.

O vice-governador da Bahia e secretário de Infraestrutura do Estado, Otto Alencar, esteve na cidade. O prefeito ressaltou ainda que vem recebendo ajuda de municípios vizinhos, que enviaram equipes para ajudar na busca pelos desaparecidos. Além das prefeituras da região, equipes do corpo de bombeiros, polícia militar e defesa civil ajudam nos trabalhos. "A prioridade hoje foi buscar os desaparecidos e dar apoio aos desabrigados, que foram levados para a escola", disse o prefeito, que também teve a casa invadida pela água.

O deputado federal José Carlos Araújo (PSD-BA), que está na cidade, contou que carros estacionados nas ruas foram arrastados por mais de 500 metros e se disse impressionado com os estragos causados pelo temporal. "A cidade acabou. Em um município que sofria com uma estiagem de dois anos, choveu 130 milímetros em uma hora e meia."

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?