Publicidade

08 de Janeiro de 2014 - 17:26

Por Beatriz Bulla - Agencia Estado

Compartilhar
 

Mesmo com o resultado da produção industrial de novembro acima da expectativa, as projeções para o fechamento de 2013 e para o ano de 2014 já têm viés de baixa na Tendências Consultoria Integrada. De acordo com o economista da casa, Rafael Bacciotti, o primeiro dado antecedente de dezembro, que foi o da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), aponta um resultado muito fraco no último mês do ano passado.

"Se confirmado o resultado fraco em dezembro, teremos um carry over muito reduzido para 2014", avalia o economista, que ainda não fechou a projeção para o último mês de 2013 e aguarda os demais indicadores antecedentes, como o índice calculado pela Tendências em parceria com a Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) sobre fluxo de veículos.

A Tendências projetava queda de 0,9% na produção industrial de novembro ante outubro, maior do que o recuo de 0,2% divulgado nesta manhã pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O dado, segundo Bacciotti, surpreendeu todo o mercado e foi puxado pelo comportamento positivo da produção de bens intermediários.

Por outro lado, a produção de bens de capital caiu 2,6% na margem e a previsão é de que o segmento mostre um desempenho menos dinâmico ao longo de 2014. De acordo com Bacciotti, a alta de 14,2% na produção de bens de capital acumulada ao longo de 2013 até novembro foi consequência do setor de veículos pesados. Para este ano, contudo, o contexto é de menores desembolsos do Programa de Sustentação do Investimento (PSI) e taxas de juros menos favoráveis, lembra o economista.

"A produção de bens de capital deve mostrar um desempenho mais reduzido do que foi este ano e, se contarmos com esse crescimento menor, o cenário para 2014 pode ser menos favorável", afirmou.

A projeção inicial da consultoria é de alta de 1,6% na produção industrial em 2013 e de 2,7% para 2014. As duas, no entanto, devem ser revisadas para baixo. O resultado do ano passado, lembra Bacciotti, não será capaz de recuperar a queda de 2,7% na indústria em 2012.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?