Publicidade

20 de Dezembro de 2013 - 15:45

Por Laís Alegretti - Agencia Estado

Compartilhar
 

O balanço do Tesouro Direto no mês de novembro aponta que o Tesouro Nacional vendeu no mês R$ 313,88 milhões, valor 33,1% maior do que o resultado de outubro (de R$ 235,81 milhões), e 44,6% maior que o valor de novembro de 2012 (de R$ 217,57 milhões). Os números foram divulgados nesta sexta-feira, 20. No mês passado, os resgates somaram R$ 159,57 milhões, sendo R$ 121,62 milhões relativos a recompras e R$ 37,95 milhões, a vencimentos.

O Tesouro informou que os títulos mais demandados pelos investidores foram os indexados ao IPCA (NTN-B e NTN-B Principal), cuja participação nas vendas atingiu 46,4%. Os títulos prefixados (LTN e NTN-F) responderam por 37,7% do total. Os papeis indexados à taxa Selic (LFT) somaram 15,9%.

O estoque do Tesouro Direto ficou em R$ 10,97 bilhões em novembro, o que significa aumento de 2,33% em relação ao mês anterior, quando foi de R$ 10,72 bilhões, e aumento de 17,07% sobre novembro de 2012, quando o estoque era de R$ 9,37 bilhões.

O maior volume no estoque, segundo o Tesouro, é de títulos remunerados por índices de preços, com 64,9%. Em seguida, estão os títulos prefixados, com participação de 25,6% e os títulos indexados à taxa Selic, com 9,6%.

Os papéis com vencimento entre 1 ano e 5 anos, que são a maioria, representam 51,6% Os títulos com prazo entre 5 e 10 anos correspondem a 14,5% e os com vencimento acima de 10 anos, a 29,0%. Os títulos que vencem em até 1 ano são 4,9% do total.

Entre as vendas do Tesouro Direto no mês, 26,9% corresponderam a títulos com vencimentos acima de 10 anos. As vendas de títulos com prazo entre 5 e 10 anos representaram 25,2% e as com prazo entre 1 e 5 anos, 47,9% do total.

Foram realizadas em novembro, segundo o Tesouro, 26.951 operações de venda de títulos a investidores. Em nota o órgão diz que a utilização do programa por pequenos investidores pode ser observada pelo considerável número de vendas até R$ 5 mil, que correspondeu a 66,8% das vendas ocorridas no mês. O valor médio por operação, no mês, foi de R$ 11.646,48.

O Tesouro informou, ainda, que no mês passado 3.688 participantes se cadastraram no Tesouro Direto. No fim de novembro, o número total de investidores cadastrados atingiu 373.607, o que representa aumento de 14,73% nos últimos doze meses.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?