Publicidade

11 de Dezembro de 2013 - 19:07

Por Marcos Dias Oliveira - Agencia Estado

Compartilhar
 

Os três torcedores do Vasco que estão detidos desde domingo, após a briga durante o jogo contra o Atlético-PR pela última rodada do Brasileirão, foram transferidos nesta quarta-feira do Presídio Regional para a Penitenciária Industrial de Joinville. A determinação partiu do juiz corregedor penal João Marcos Buch.

"Os três estão ocupando uma cela para quatro detentos, possuem maior privacidade e garantias", informou o diretor da Penitenciária, Richard Harrinson. Também nesta quarta-feira, os acusados receberam pela primeira vez a visita do advogado Olmar Pereira da Costa Júnior, que dará assistência jurídica aos três.

Enquanto isso, o delegado regional da Polícia Civil de Joinville, Dirceu Silveira Júnior, confirmou nesta quarta-feira que a Polícia do Rio já teria identificado nove torcedores da organizada Força Jovem, do Vasco, entre os envolvidos na briga de domingo. Os nomes dos suspeitos, no entanto, ainda não foram divulgados.

"Todos serão indiciados em inquérito policial e responderão de acordo com o grau de participação na briga e a violência empreendida", esclareceu o delegado. Ele contou que o inquérito policial vai procurar esclarecer todos os fatos, "desde a briga até possíveis responsabilidades pelas questões da segurança, organização, estrutura do estádio. Enfim, tudo".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?