Publicidade

10 de Dezembro de 2013 - 10:22

Por - Agencia Estado

Compartilhar
 

Alunos, professores e servidores técnico-administrativos da Universidade de São Paulo (USP) terão a oportunidade de votar nas chapas de candidatos a reitor e vice-reitor na consulta à comunidade que ocorre nesta terça-feira, 10. É a primeira vez que toda comunidade é consultada, embora o resultado será apenas indicativo à Assembleia Universitária, a quem cabe a eleição dos dirigentes.

Interlocutores na USP avaliam, no entanto, que a vontade da maioria (caso a participação seja efetiva) possa sensibilizar o governador Geraldo Alckmin (PSDB). Depois de a comunidade votar, uma lista tríplice é encaminhada ao governador, a quem cabe apontar o próximo reitor.

A consulta será realizada das 9h às 18h, estendendo-se até as 21h nas unidades em que haja atividade noturna. Após o final da votação, as urnas serão lacradas e encaminhadas à sede de apuração, segundo informações da USP. Ao todo, haverá cinco sedes no interior e seis na capital. A apuração deverá ser feita por categoria e encaminhada à Secretaria Geral até o dia 11 de dezembro. Os resultados obtidos em cada uma das categorias consultadas serão divulgados no dia 12 de dezembro. A votação da Assembleia Universitária para escolher o novo reitor ocorre no dia 19.

Cerca de 2 mil representantes de estudantes, servidores e docentes (em maior número) escolherão a lista tríplice. Após mudança no processo de escolha de reitor, os professores que querem participar têm de se apresentar em chapas - antes, qualquer professor titular poderia receber voto.

Quatro professores concorrem ao cargo de reitor:

José Roberto Cardoso, de 64 anos, é professor do Departamento de Engenharia de Energia e Automação Elétricas e Diretor da Universidade Politécnica. Hélio Nogueira da Cruz, de 64, é professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade e foi vice-reitor na atual gestão.

Wanderley Messias, de 62 anos, é professor do Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (USP) e foi superintende de Relações Institucionais da atual reitoria. Marco Antonio Zago, de 66, vem da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto e foi pró-reitor de Pesquisa. No dia 19, eles concorrem com outras duas chapas à eleição para reitor da USP.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?