Publicidade

18 de Janeiro de 2014 - 21:43

Por Marcio Dolzan - Agencia Estado

Compartilhar
 

Sem poder contar com a maioria dos reforços contratados para 2014, além de contar com os desfalques de vários jogadores considerados titulares por problemas físicos, o Vasco iniciou a temporada com dificuldades. Na noite deste sábado, recebeu o Boavista em São Januário e empatou por 1 a 1, pela primeira rodada do Campeonato Carioca. Fellipe Bastos ainda perdeu um pênalti no segundo tempo, desperdiçando a chance de vitória vascaína.

O técnico Adilson Batista mandou a campo um time ofensivo. William Barbio, Reginaldo e Edmilson formaram o trio de ataque vascaíno, que deu trabalho ao goleiro Getúlio Vargas durante a etapa inicial. Assim, o placar foi aberto logo aos 10 minutos de jogo.

No lance do gol, Edmilson fez boa jogada pela esquerda e cruzou na área. A zaga do Boavista rebateu mal e Reginaldo aproveitou para chutar forte, no canto direito do goleiro do Boavista.

Mesmo com a vantagem no placar, o Vasco não diminuiu o ritmo. Usando especialmente as jogadas de William Barbio pela direita, além da velocidade de Edmilson pela esquerda, a equipe chegou diversas vezes à meta adversária. Na melhor delas, aos 45, Edmilson acabou cabeceando a bola no travessão.

No segundo tempo, porém, a história foi outra. O Boavista, do técnico Américo Faria - ex-coordenador da seleção brasileira -, foi para cima do Vasco, que voltou a campo acomodado. O ataque vascaíno praticamente parou de jogar, enquanto a marcação se mostrou frouxa.

Aproveitando-se disso, a equipe de Saquarema passou a investir em jogadas de velocidade. Numa delas, Cascata chutou da entrada da área e mandou no canto direito de Diogo Silva, empatando o jogo aos 16 minutos.

Com a igualdade, o técnico Adilson Batista resolveu mexer na equipe. Thalles e Montoya foram para o jogo. Assim, o Vasco voltou a criar. Aos 36 minutos, veio o pênalti para o Vasco. Na cobrança, porém, Fellipe Bastos bateu fraco e Getúlio Vargas se atirou no lado esquerdo para espalmar para escanteio.

Depois disso, o Vasco ainda tentou uma pressão final, mas o visível nervosismo dos jogadores acabou atrapalhando. E, com o empate na estreia, o time saiu de campo vaiado por parte de sua torcida que esteve neste sábado em São Januário.

FICHA TÉCNICA:

VASCO 1 X 1 BOAVISTA

VASCO - Diogo Silva; André Rocha, Luan, Rodrigo e Marlon; Guiñazu, Abuda e Fellipe Bastos; William Barbio (Montoya), Reginaldo e Edmilson (Thalles). Técnico: Adilson Batista.

BOAVISTA - Getúlio Vargas; Paulo Barrack, Gustavo, Bruno Costa e Romarinho; Douglas Pedroso (Weverton), Rômulo, Thiago Silva (Cascata) e Jéferson (Diogo); André Luis e Gilcimar. Técnico: Américo Faria.

GOLS - Reginaldo, aos 10 minutos do primeiro tempo; Cascata, aos 16 minutos do segundo tempo.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?