Publicidade

18 de Fevereiro de 2014 - 19:59

Por Tribuna

Compartilhar
 
Após o serviço executado pela Cesama, buraco foi tampado provisoriamente com terra
Após o serviço executado pela Cesama, buraco foi tampado provisoriamente com terra
Nesta terça-feira, papalões foram colocados para evitar lama devido à chuva
Nesta terça-feira, papalões foram colocados para evitar lama devido à chuva

Comerciantes da Rua Marechal Deodoro, no Centro de Juiz de Fora, relatam que um desnível na calçada, em frente ao número 332, causa transtornos aos pedestres. A intervenção foi feita pela Cesama no domingo (16), mas a recomposição da calçada de pedras portuguesas ainda não foi feita por completo. O buraco foi tampado apenas com terra compactada. "Pessoas deficientes ou idosas são as mais prejudicadas. Para amenizar, foram colocados papelões durante a chuva, porque as pessoas atolavam o pé na lama", relata um comerciante, que enviou fotos da situação para o perfil da Tribuna no Facebook.

Conforme a assessoria de comunicação da Cesama, no domingo foi feita a manutenção de um ramal de água na Rua Marechal Deodoro. A companhia informou que pedirá agilidade para que a empreiteira responsável pela recomposição da calçada execute o serviço o mais rápido possível.

 

Você também pode contribuir para uma cobertura completa da cidade. Se existe algum problema em seu bairro, envie um texto com fotos e/ou vídeo para o e-mail internet@tribunademinas.com.br. Se preferir, envie o relato por mensagem inbox para o perfil da Tribuna no Facebook.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Governo federal deve refinanciar as dívidas dos clubes de futebol?