Publicidade

25 de Janeiro de 2014 - 07:00

Por Tribuna

Compartilhar
 

Apesar de as obras de contenção estarem caminhando na Rua Belisário de Castro, no Grajaú, região Sudeste, moradores temem que o talude volte a ceder, como aconteceu durante as chuvas de dezembro passado. A preocupação se deve ao fato de que parte da lona que devia proteger o terreno está danificada.

No fim do ano passado, após uma vistoria da Defesa Civil, a via chegou a ser interditada, assim como a residência localizada abaixo do barranco. Na época, além da instalação da lona, foi implantada uma elevação no asfalto para evitar a descida da água da chuva pelo talude. De acordo com a assessoria da Empav, uma equipe do Corpo de Bombeiros irá ao local, e, se houver necessidade, os reparos nas lonas serão providenciados.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você aprovou a seleção convocada por Dunga?