Publicidade

26 de Março de 2014 - 06:00

Por Tribuna

Compartilhar
 
Animal foi encontrado em estrada e capturado pelo IEF, antes de ser liberado no local
Animal foi encontrado em estrada e capturado pelo IEF, antes de ser liberado no local

Corrigida às 9h12

Uma preguiça jovem é a mais nova moradora do parque do Museu Mariano Procópio, no bairro homônimo. Conforme o diretor-superintendente do museu, Douglas Fasolato, o mamífero, cujo sexo ainda não foi identificado, estava perdido em uma estrada e foi capturado por funcionários do Instituto Estadual de Florestas (IEF). Inicialmente, a preguiça foi mantida em cativeiro, mas parou de se alimentar. "A alternativa foi introduzi-la no parque do museu, onde já havia em torno de cinco animais da espécie. A adaptação foi tranquila", relata Douglas, informando que o animal está no local desde a semana passada.

Já com relação aos dois filhotes de cisnes negros que desapareceram do lago na semana passada, a informação é de que estão sendo investigados animais que podem ter predados as aves.

(Diferente do que foi publicado, a preguiça não está no museu há pouco mais de um mês, mas desde a semana passada).

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da adoção de medidas, como tarifas diferenciadas e descontos, para estimular a redução do consumo de água?